Ano 8 (2021) – Número 1 - Editorial e Sumário

Caros Leitores do BOMGEAM,

O número 1 de nosso boletim BOMGEAM edição 8 (2021) também chega com o Mundo, no seu todo, ainda sob os efeitos perversos da pandemia do COVID-19, surgida na China. Ela atingiu principalmente os países ricos e em desenvolvimento, alguns deles sob efeito da terceira onda de contágio. O Brasil em sua segunda onda, muito mais forte, com alta taxa de letalidade e contágio, dá sinais de lenta desaceleração em patamar elevado. A vacinação chegou e já atingiu, em média, mais de 14 % de nossa população em sua primeira dose, e deve contribuir para melhorar o quadro pandêmico. Dois tipos de imunizantes estão sendo empregados, e um terceiro está previsto para o início de maio. Temos também perspectivas para uso de imunizantes desenvolvidos parcial ou totalmente no País. O epicentro da pandemia que da China partiu da Europa, depois EUA, veio para o Brasil e agora, infelizmente, tomou conta da Índia.

O País está praticamente parado, principalmente no que concerne à educação e ciência/tecnologia, o que não fizeram os demais países, principalmente os mais desenvolvidos. Escolas públicas e privadas do ensino infantil, fundamental e médio e Universidades e Institutos Federais, portanto de ensino superior, estão a três semestres parados. Tentam remediar com aulas on line, virtuais.

E como dissemos nos dois números anteriores (BOMGEAM 7 2020 números 1 e 2), o atual, 8 (2021) Número 1, sofreu ainda mais as consequências da grande piora do quadro pandêmico. E é justamente neste quadro nunca dantes imaginado, que lançamos o presente número do BOMGEAM, numa tentativa de manter a chama acesa.

O presente número contempla 4 artigos originais. O primeiro apresenta “Analysis of Purine Alkaloids by XRD and Molecular Modeling Methods”; o segundo artigo aborda “Procedimentos para Determinação de Densidade Relativa dos Minerais: Uma Vivência nos Laboratórios de Mineralogia do Museu de Geociências da UFPA”, que certamente será de grande valia para os estudantes, em particular de geologia, quiçá profissionais, que lidam com minerais e outras substâncias sólidas. Por sua vez o terceiro artigo se concentra sobre “A Contribuição da Formação Barreiras como Fonte dos Sedimentos dos Manguezais e de Fundo do Rio Marapanim na Região de Marapanim (PA) com Base na Assinatura de Minerais Pesados”, rico em belas imagens dos minerais pesados, com destaque para zircão, estaurolita, cianita e rutilo. Em seguida o quarto artigo e último aborda a “Físico-química de águas e geoquímica de sedimentos em suspensão de recursos hídricos superficiais do município de Belém, estado do Pará”, fruto de pesquisa de TCC de aluna de Química da UFPA.

Esperamos ansiosos que o País enverede por tempos de otimismo, com retomada das salas de aulas em todos os níveis, da convivência social em harmonia a melhor possível, da produção industrial em todos os setores, mesmo daquelas que não foram vencidas pela covid-19 (Mineral e do Agronegócios), e da atividade comercial ampla, saindo desta pandemia do coronavirus e de políticas contraditórias e politiqueiras, muito mais depressivas e angustiantes.

Boa leitura e que novos bons tempos ressurjam após a pandemia Covid-19, como já desejávamos ainda nos números 1 e 2 de 2020.

 

Marcondes Lima da Costa, maio de 2021.

Editor-Chefe do BOMGEAM

 

 

 

Dear Readers of BOMGEAM,

The number 1 of our BOMGEAM edition 8 (2021) also arrives with the World, as a whole, still under the perverse effects of the COVID-19 pandemic, which emerged in China. It mainly affected rich and developing countries, some of them under the influence of the third wave of contagion. Brazil in its second wave, much stronger, with a high rate of lethality and contagion, shows signs of slow deceleration at a high level. Vaccination has arrived and has already reached, on average, more than 14% of our population in its first dose, and should contribute to improving the pandemic situation. Two types of immunizers are being used, and a third is expected in early May. We also have perspectives for the use of immunizers developed partially or wholly in the country. The epicenter of the pandemic that left China from Europe, then the USA, came to Brazil and now, unfortunately, has taken over India.

The country is practically at a standstill, mainly with regard to education and science, which the other countries, especially the more developed ones, did not do. Public and private schools of kindergarten, elementary and high school and Universities and Federal Institutes, therefore of higher education, are three semesters stopped. They try to remedy it with online, virtual classes.

And as we said in the previous two numbers (BOMGEAM 7 2020 numbers 1 and 2), the current one, 8 (2021) Number 1, suffered even more the consequences of the great worsening of the pandemic situation. And it is precisely in this framework that we never imagined before, that we launched the present issue of BOMGEAM, in an attempt to keep the flame burning.

This issue includes 4 original articles. The first presents “Analysis of Purine Alkaloids by XRD and Molecular Modeling Method”. The second article deals with “Procedures for Determination of Relative Density of Minerals: An Experience in the Mineralogy Laboratories of the UFPA Geosciences Museum”, which will certainly be of great value to students, in particular geology, perhaps professionals, who deal with minerals and other solid substances. In turn, the third article focuses on “The Contribution of the Barreiras Formation as a Source of Mangrove Sediments and the Marapanim River Bottom in the Marapanim Region (PA) Based on the Signature of Heavy Minerals”, rich in beautiful images of heavy minerals, with emphasis on zircon, staurolite, kyanite and rutile. Then the fourth article that addresses the “Physics-chemistry of waters and geochemistry of sediments in suspension of surface water resources in the municipality of Belém, state of Pará”, a research results carried out by an undergraduate Chemistry student at UFPA.

We look forward to the country embarking on times of optimism, with the resumption of classrooms at all levels, social coexistence in the best possible harmony, industrial production in all sectors, even those that were not won by covid-19 (Mineral and Agribusiness), and broad commercial activity, leaving this pandemic of the coronavirus and contradictory and political policies, much more depressing and distressing.

Good reading and new good times to resurface after the Covid-19 pandemic, as we still wanted in numbers 1 and 2 of 2020.

 

Marcondes Lima da Costa, May, 2021.

BOMGEAM Chief Editor

Ano 8 (2021) – Número 1 - Artigos

01 – ANALYSIS OF PURINIC ALKALOIDS BY XRD AND MOLECULAR MODELING METHODS

José de Arimateia Rodrigues do Rego1
Jorddy Neves Cruz
Marcondes Lima da Costa
Fabrine Silva Alves
Isaque Gemaque de Medeiros
Gleice Vasconcelos da Silva Pereira
Maria Janes de Oliveira Santos
Pabllo Henrique Costa dos Santos
Alessandra Santos Lopes
Davi do Socorro Barros Brasil

02 – PROCEDIMENTOS PARA DETERMINAÇÃO DE DENSIDADE RELATIVA DOS MINERAIS: UMA VIVÊNCIA NOS LABORATÓRIOS DE MINERALOGIA DO MUSEU DE GEOCIÊNCIAS DA UFPA

Milson Edmar da Silva Xavier

03 – A CONTRIBUIÇÃO DA FORMAÇÃO BARREIRAS COMO FONTE DOS SEDIMENTOS DOS MANGUEZAIS E DE FUNDO DO RIO MARAPANIM NA REGIÃO DE MARAPANIM (PA) COM BASE NA ASSINATURA DE MINERAIS PESADOS

Josiana Torres dos Santos
Marcondes Lima da Costa
José Francisco Berredo Reis da Silva

04 – Físico-química de águas e geoquímica de sedimentos em suspensão de recursos hídricos superficiais do município de Belém, estado do Pará

Vânia dos Reis Viana
Marcondes Lima da Costa2
Darilena Monteiro Porfírio
Glayce  Jholy Souza da Silva Valente

Ano 8 (2021) – Número 1 - Notícias

01 – MINERALS JOURNAL SPECIAL ISSUE: Mineralogy and Geochemistry of Prehistorical, Present and Future Ceramic Materials

Os Professores Marcondes Lima da Costa e Rômulo Simões Angélica, ambos do Instituto de Geociências da Universidade Federal do Pará, foram convidados para atuarem como Guest Editors do “Minerals Journal” An open access journal by MDPI em seu Special Issue Mineralogy and Geochemistry of Prehistorical, Present and Future Ceramic Materials. Os professores já enviaram dezenas […]

02 – O GEÓLOGO TAYLOR ARAÚJO COLLYER

Taylor faleceu em 7 março de 2021 aos 68 anos de idade. Conheci e vivi uma parcela da dedicação de Taylor Collyer à Geologia. Era um grande entusiasta, sem sombra de dúvida, daqueles geólogos ainda dos tempos antigos, explorador no seu sentido amplo, vibrante. Foi o segundo geólogo “Amazônico” que eu conheci, que desde cedo […]

03 – SIMEXMIN 2020

O Simpósio de Exploração Mineral, SIMEXMIN 2020, previsto para ocorrer em maio de 2020, de forma presencial em Ouro Preto, Minas Gerais, como era de costume, teve sua tradição rotineira de realização a intervalo de dois anos, interrompida pela pandemia da Covid-19. Foi então transferido para 2021 na esperança de poder ser realizado ainda na […]