Ano 5 (2018) – Número 2 - Editorial

 

O BOMGEAM está em seu terceiro ano consecutivo com sua produção periódica ininterrupta. A partir de 2017 passou a dispor de ISSN, com seus artigos indexados pelo DOI do Crossref para 2018 e 2017 e em breve para 2016. Gradualmente está sendo descoberto e reconhecido pelos leitores. Navegue no Bomgeam diretamente em seu site GMGA – Grupo de Mineralogia e Geoquímica Aplicada: gmga.com.br/bomgeam/ ou simplesmente recorra aos sites de procura.

O presente número 2/2018 contém 12 artigos que cobrem temas como síntese mineral, mineralogia de material cerâmico, minerais raros em granitos, materiais rochosos empregados em obras históricas monumentais, os minerais em nossa casa e no artesanato, icnofósseis e troncos com goethita e então uma matéria sobre a atividade mineira, tão deplorada, mas quão importante, que ironia

O Simpósio Brasileiro de Exploração Mineral, o SIMEXMIN2018, tradicionalmente realizado em Ouro Preto, ocorreu de 21 a 23.05.2018, e mostrou a pujança da mineração no mundo, em especial Canadá, Estados Unidos da América, Austrália, China, Peru, Chile, com o Brasil numa situação de potencial afugentado pelas incertezas jurídicas e políticas. Commodities minerais como cobre, ouro, zinco, cobalto, níquel, lítio, platinóides, ETR, entre outros, aquecem a atividade mineral mundial como um todo, em que a indústria automobilística galgando em direção aos veículos elétricos por exigência dos países mais desenvolvidos, e, por conseguinte a necessidade gigantesca por baterias, é o principal player desse mercado, seguida pelos smartphones e as telecomunicações em geral. No Brasil os destaques minerais por unidades da Federação foram Bahia (destaque ao cobre), Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás e Rondônia (Chumbo-zinco) e em parte Pará (Ferro e ouro). O Pará infelizmente vive as incertezas do seu principal Parque Mínero-Metalúrgico de Barcarena e da produção de bauxitas em Paragominas, considerados como vilãs de impactos ambientais. Os setores Mineral e Agronegócios são os principais geradores de riqueza do País, em que este último é fortemente dependente do primeiro.

O GMGA realizará no período de 14 a 20.10.2018 A Viagem Pitoresca ao Rio-Lago Tapajós para ver in loco o caminho fluvial percorrido por vários naturalistas nos séculos XVIII e XIX, com destaque para Herbert Smith, Friedrich Katzer, Robert Avé Lallemant, Domingos Soares Ferreira Penna, Johann Baptist von Spix, Carl Friedrich Philipp von Martius, Jean Louis Rodolphe Agassiz, entre outros, e as sedes abandonadas do grande empreendimento de Henry Ford, Fordlândia e Belterra. Também visitaremos a região de definição da grande unidade geológica Formação Alter do Chão e da Argila de Belterra de Wim Sombroek. Aos interessados o convite para participar está aberto. Os resultados e impressões colhidos durante esta viagem pitoresca serão publicados no BOMGEAM.

Boa leitura,

 

Marcondes Lima da Costa

Editor-Chefe do Bomgeam

Ano 5 (2018) – Número 2 - Artigos

01 – ATIVIDADE MINEIRA: VILÃ OU FONTE DE BEM-ESTAR?

XAVIER, Milson Edmar da Silva.

02 – CATODOLUMINESCÊNCIA DE DIAMANTE DO RIO TOCANTINS NO PARÁ

Helmut Höhn, Marcondes Lima da Costa, Marcos Vasconcelos.

03 – SÍNTESE DE MATERIAL TIPO-PIROAURITA OBTIDA À TEMPERATURA AMBIENTE

NASCIMENTO, Renata de Sousa; FIGUEIRA, Bruno Apolo Miranda;

04 – O Forte São Pedro Nolasco ou Baluarte Nossa Senhora das Mercês em Belém do Pará: uma história em blocos de rochas.

Ariel Cerqueira Szlafsztein, Roseane da Conceição Costa Norat, Marcondes Lima da Costa.

05 – O BALUARTE E O CONVENTO DE NOSSA SENHORA DAS MERCÊS EM BELÉM DO PARÁ: IMPLANTAÇÃO URBANA E CONSTRUÇÃO.

Cauê Oliveira, Roseane da Conceição Costa Norat, Marcondes Lima da Costa.

06 – COMPOSIÇÃO QUÍMICA E MINERALÓGICA DE ISOLADORES CERÂMICOS DE ALTA TENSÃO

Darilena Monteiro Porfírio, Marcondes Lima da Costa.

07 – COMPOSIÇÃO QUÍMICA E MINERALÓGICA DA PEDRA-SABÃO EMPREGADA NA CONFECÇÃO DE PLACAS CIRCULARES PINTADAS NO ARTESANATO MINERAL DE OURO PRETO

Marcondes Lima da Costa e Glayce Jholy Souza da Silva Valente.

08 – ANÁLISES DE MEV-EDS EM CRISTAIS DE TORITA E COLUMBITA DO GRANITO BENEDITA, SUÍTE INTRUSIVA VELHO GUILHERME EM CARAJÁS

João Alberto Evangelista Pinto, Rafael Neto Silva Gomes, Lucas Maurício Conduru Melo, Claudio Nery Lamarão, Rosemery da Silva Nascimento.

09 – AS JOIAS DO INFINITO: UMA ABORDAGEM COMPARATIVA ENTRE AS GEMAS FICTÍCIAS DO UNIVERSO CINEMATOGRÁFICO DA MARVEL E GEMAS REAIS

Alan Felipe dos Santos Queiroz

10 – SÍNTESE DE SODALITA A PARTIR DE REJEITO DE CAULIM DA AMAZÔNIA ATRAVÉS DE EXTRUSÃO DA MISTURA REACIONAL SEGUIDO POR PROCESSO HIDROTERMAL

Angelina Lobato Gonçalves*/Abaetetuba/Pará/Brasil/angelina02goncalves@hotmail.com
Ana Áurea Barreto Maia*/ Abaetetuba/Pará/Brasil/anabmaia@yahoo.com.br

11 – RHIZOCORALLIUM NA FORMAÇÃO BARREIRAS E SUA IMPORTÂNCIA PALEOAMBIENTAL (ILHA DE MOSQUEIRO, BELÉM, PARÁ)

Marcondes Lima da Costa

12 – “CASA MINERAL”, FERRAMENTA PEDAGÓGICA E DE CONSCIENTIZAÇÃO DA PRESENÇA DA MINERAÇÃO NO COTIDIANO

NASCIMENTO, Rosemery da Silva; KIMMEMGS, Ubirajara Fernandes.

Ano 5 (2018) – Número 2 - A Minha História

01 – Minha primeira esmeralda: Uma cortesia do Pólo Joalheiro

Glayce J.S.S.Valente, Heitor S. Valente

02 – CONTE A SUA HISTÓRIA

Conte uma história a partir da imagem.

Ano 5 (2018) – Número 2 - Notícias

01 – ATIVIDADES DO MUSEU DE GEOCIÊNCIAS DURANTE A 16ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS (13 A 18 DE MAIO DE 2018)

Pabllo Henrique Costa dos Santos e
Colaboração de Marcondes Lima da Costa e ilustrado com documentos elaborados por vários colaboradores.

02 – O TROMBETÃO NO CAMPUS UFPA-GUAMÁ

Por Marcondes Lima da Costa

03 – NÚMERO DE ASSINANTES DA REVISTA ELEMENTS VERSUS PRODUÇÃO CIENTÍFICA E O CONSUMO DE VINHO: TEM ALGUMA CORRELAÇÃO?

Marcondes Lima da costa